31 março 2013

I Became Better




Capitulo 3
- Ninguém quer jogar nada? - Perguntou a Alice.
- Jogar o quê? – Perguntei.
- Nós temos uma rede de vólei e uma bola que acham? - Falou o Jasper.
- Neste chão duro?
- Não na água também dá. - Comentou o Emmett
- Isso foi o que tivemos a jogar ate agora. - Disse a Bella.
- Prontos então que fazemos? - Perguntei.
- Pudemos jogar cartas.
- Sugeriu a Lice
- Okay pode ser eu vou buscá-las.
Antes de o Jasper dar mais um passo eu gritei:
- Quieto! - Lentamente continuei - Vamos jogar verdade ou consequencia!
- Sim, isso é bem mais divertido. - Disse o Emmett. - Então vamos lá começar. - Falou o Edward.
Peguei numa camisola comprida e vesti-a sentando-me ao lado deles na mesa.
- Eu começo. - Disse a Alice.
- Edward verdade ou consequência? - Verdade.
- Com que idade deste o teu primeira beijo?
- Prefiro não responder.
- consequência! - Disse a Alice. - Deixa-me pensar
- Vê lá o que dizes. - Disse ele em tom de ameaça.
- Não tenho medo de ti, maninho - Sorriu - Hum...Um beijinho na cara do Emmett.
Pronto eu tinha de me rir.
- Podes esquecer.
- Cala-te e deixa-me falar. Vais até à empregada e dizes que a comias.
A Bella fez ma cara e eu quase cai da cadeira de tanto rir.
- Ou dás um beijo à Bella na BOCA.
A Bells ficou vermelha e ele também
Oh isto vai dar coisa, pensei.
- Então o que escolhes?
- Anda la um beijinho. - Falei.
- Em qual deles?
- Isso, tu é que sabes.
- Desculpa Emmett. - Disse ele.
Espera, ele vai dar um beijo nele? Oh god!
- Eu escolho beijar a Bella.
Ate dei saltinhos na cadeira e a Alice bateu palmas.
A Bella olhou-nos com uns olhos de matadora e nós ainda mais festa fizemos.
- Importaste Bella?
- É uma consequência claro que não.
Ele aproximou-se dela e quando os seus lábios se tocaram foi como num daqueles filmes em que uma pessoa consegue perceber como eles estão a gostar pelas suas caras, e eles estavam mesmo a gostar tanto que até se aproximaram ainda mais um do outro.
- Só amor. - Comentou o Emmett estragando o momento.
Eu e a Alice, ao mesmo tempo, batemos-lhe na cabeça.
Eles separam-se e ele disse:
- Okay, agora sou eu.
- Bom, vamos la ver quem vai ser a minha vítima. - Falou.
- Que teatral. - Resmunguei
- Jasper verdade ou consequência? - Disse ele com um sorriso matreiro. Isto vai envolver uma vingança incrível.
- Verdade.
- É verdade que já comeste uma mulher com a idade da tua mãe?
Eu engasguei-me.
- Não. - Disse.
- Okay deixa ver 1º vais ter de lamber a barriga à tua irmã.
- Que nojo! - Guinchei. - Não me envolvas nisso.
- 2º Vais ter de fazer uma dança sexy para o Emmett.
- 3 Vais beijar a empregada.
- Tás a gozar, só podes por favor muda uma pelo menos.
- Eu tenho de me vingar em alguém. - Falou com um ar inocente.
- Okay mas não sejas demasiado cruel comigo muda uma delas.
- Pronto, em vez de beijares a empregada, fazes de galinha para nos todos.
- Okay, escolho essa.
E la foi ele para o meio fazer de galinha.
Toda a gente se ria com as cenas do meu irmão e até mesmo eu.
- Sou eu. - Disse sentando-se. - Bella, verdade ou consequência?
- Verdade.
- Quem gostas?
- Duma pessoa.
- Isso não responde a pergunta.
- Responde sim eu disse que gostava de alguém mas não vou dize-lo
- Eu perguntei DE quem gostas
- Diz-lhe Bella. - Intervi.
- Não, isso e uma coisa só minha!
- Pronto, consequência, então.
- 1 Vais ter de beijar o Edward no canto da boca
- 2 Comer algo preparado pela Rose.
Ele só pode estar doido eu ainda mato a rapariga.
- 3 Vais até lá fora em bikini e ficas lá durante três minutos.
- Cozinhas muito mal Rose?
- Sim, nem queiras saber Bella. - Respondi-lhe
- Acho que vou arriscar. - Falou
- Não o faças Bella para tua segurança.
- O Hospital não e muito longe
- Por amor de deus Bella eu estou a zelar por ti faz-me um favor e faz uma das outras duas.
- Não! Vamos, faz uma sandes, isso não podes estragar
- Só para ficares a saber ainda não percebi como mas até isso ela consegue estragar
Levantei-me e fui buscar os ingredientes para uma sandes.
Fiz a sandes e entreguei-a
- Vamos, come, estou a fazer figas para que não morras.
Ela deu uma trinca na sandes mastigou, engoliu e continuou a comer.
- Então? - Perguntei receosa, não queria ser acusada de homicídio.
- Está ótima Rose não sei qual é o problema.
- Hum...ainda bem.
Acabou de comer e virou-se para o Emmett.
- Maninho verdade ou consequência?
- Verdade.
- Com que idade começas-te a beber?
- Apanhou-te. - Disse o Edward.
- Se disser contas aos pais?
- Não.
- Okay aos 14.
- F**** começaste cedo! - Resmunguei.
- Okay agora Rose verdade ou consequência?
- Verdade.
- Com que idade tiveste a tua primeira vez?
- Que raio de pergunta. - Disse-lhe ofendida.
- Completamente inofensiva. – Falou.
- Okay, eu ainda não tive primeira vez.
Antes que alguém dissesse algo.
- Sou eu. Alice, verdade ou consequência?
- Verdade.
- Mais recente paixão?
- Nenhuma.
- Consequência! - Sorri.
- Vais lamber o chão.
Ela estremeceu.
- Ou beijar o Jasper.
Ambos ficaram vermelhinhos
- Nem penses que vou fazê-lo.
- Ou vais por no face que és lésbica...
- Okay, eu beijo o Jasper.
Ela olhou para ele.
- Importaste?
- Não, e só um jogo. - Sorriu-lhe.
Ela esticou-se por cima da mesa de modo a dar um pequeno e rápido beijo ao Jazz.
O beijo era para ser rápido mas eles ficaram ali com os lábios encostados.
Eu vou junta-los ou não me chamo Rosalie!
Ela afastou-se e voltou a sentar-se com relutância sim eu notei
- Sou eu, Emmett, verdade ou consequência?
- Verdade
- De quem gostas?
- Para já só tiro medidas
- Isso cheira-me a consequência. - Disse.
- Vamos consequências! - Falou a Lice. - Beijas a Rose! Ou fazes um strip para o meu maninho.
- Vá lá, só podes estar a brincar.
- Ou podes ir la fora e gritar: Eu sou gay!
- Okay Rose há algum problema em beijar-te? - Perguntou ele.
Eu quase que saltei da cadeira. Eu iria fazê-lo esquecer a outra e cair aos meus pés.
- É só um jogo. - Encolhi os ombros.
Ele veio até mim e juntou os nossos lábios que pareciam perfeitos um para o outro.
Fui eu a afastar-me, encostando-me na cadeira com um rosto perfeitamente indiferente.
Ele voltou ao seu lugar e virou-se para o Edward.
- Verdade ou consequência?
E assim continuamos durante o resto da tarde.
- Bem gente, adorávamos poder ficar mas temos de ir. - Disse a Bella.
- Nós também. - Disse a Alice.
- Okay, vemo-nos amanhã? - Perguntei.
- Claro, beijos. - Falaram.
- Beijos meninas. - Disse-lhes com o meu sorriso.
Os rapazes despediram-se e eles saíram.
- Maninho da minha vida, temos de ter uma seria conversa.

Sem comentários:

Enviar um comentário

O mais simples dos comentários, dá força á autora para continuar a historia por mais um capitulo e com cada vez mais entusiasmo.
Só demora 1 minuto (e não faz o dedinho cair!) e alegra o nosso lindo e fraco coração = ) Se leu comente!
#Os insultos serão imediatemente eliminados#